The marshmallow test, Vanilla Sky e eu. Uma intersecção. :)

Enquanto eu lia sobre o estudo, e os estudos que se seguiram, e as discussões sobre os estudos, não consegui deixar de linkar – como nunca consigo deixar de linkar nada nessa vida – a Vanilla Sky. Lembrei de quando o David Aames conhece a Sofia Serrano e vai pra casa dela e no final das contas, mesmo com o clima mais tchanam do mundo, eles NÃO transam. E ele justifica isso dizendo ser um pleasure delayer (adiador de prazer?!?), que basicamente é um hábito de se segurar o desejo até o último momento possível para, sei lá, potencializar o prazer. O prazer na espera, o prazer na expectativa. Sei bem como é isso. 🙂

E acabei descobrindo que existe na psicologia o termo delayed gratification, que fala justamente da habilidade em resistir às tentações de uma recompensa imediata e esperar por uma recompensa tardia. E muitas, mas muitas pesquisas mesmo tem relacionado essa habilidade de adiar a gratificação à uma série de outras atitudes positivas, como sucesso acadêmico, saúde física, saúde psicológica e competência social. E outras habilidades como paciência, controle dos impulsos, auto-controle e força de vontade, sendo que todas essas habilidades estão envolvidas na auto-regulação (a capacidade de uma pessoa de adaptar a si mesma conforme necessário para atender às demandas do ambiente.

Eu faço isso desde pequena. Quando como, principalmente. Sou daquelas pessoas que aguarda o melhor do prato pro final. Acabo comendo a melhor parte da refeição fria, mas gosto mesmo assim. E estabeleço pequenas recompensas para mim mesma sempre que tenho alguma coisa chata pra fazer. A velha frase de toda mãe: primeiro a obrigação, depois o lazer. O problema no meu caso acaba sendo que, como minhas obrigações NUNCA acabam, acabo quase nunca tendo a tal recompensa. Mas né? Saber que a recompensa existe já é alguma motivação.

marshmellow-test-604-cs050713

É difícil ensinar delayed gratification quando as crianças crescem esperando sempre uma recompensa grande e instantânea por todos os seus anos de estudo. Os impactos da sociedade e tendências da mídia atual têm o efeito de ensinar as pessoas a esperar por recompensas instantâneas. A ideia de ter que esperar por um bom emprego, conquistado através de trabalho começado por baixo, frequentemente frustra os jovens adultos na nossa socieade. Ese desejo por gratificação imediata não é apenas encontrado em ambientes de trabalho, mas também em relações interpessoais. Estudos atuais mostram que 45% dos casamentos vão terminar em divórcio. Sem a habilidade de adiar a gratificação, as pessoas têm uma tendência maior de terminar relacionamentos ao invés de trabalhar neles.

E não que eu seja a favor de casamentos eternos ou qualquer coisa que o valha. Acho que tudo o que não nos faz feliz deve ser imediatamente eliminado. Mas não dá pra ignorar o fato de que relacionamentos – sejam eles amorosos, familiares ou de amizades – são hoje mais descartáveis do que nunca. E me incluo nisso. Porque apesar de ser ótima em deixar o melhor do almoço pro final, ainda não desenvolvi minhas habilidades interpessoais o suficiente para lidar bem com conflitos e resolvê-los sem mágoas e ressentimentos.

No mais, assistam Vanilla Sky, assistam duas três mil vezes. Não tem uma vez sequer que eu assista esse filme e não acabe repensando a minha vida inteira.

2 comentários sobre “The marshmallow test, Vanilla Sky e eu. Uma intersecção. :)

  1. Vanilla Sky. Meu filme preferido desde meus 15 anos, quando assisti pela primeira vez essa obra!
    Encontrei o blog por outros motivos, mas acabei me deparando com esse post e fiquei feliz e impressionada pelo fato de alguém, assim como eu, achar o filme brilhante! Nunca conheci ninguém que achasse…

Deixe uma resposta para Mariane Santoro de Toledo Couto Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s