WTF is Abercrombie.

Até dois ano atrás eu nem sabia o que era Abercrombie. Juro. Não assisto TV nem convivia com pessoas que usam coisas de marca. Daí comecei a dar aulas em uma escola de inglês classe AAAAA+ e um belo dia um dos meus alunos veio me mostrar sua camisa nova. Olhei, vi, elogiei. E ele disse: mas você não está vendo? é uma abercrombie!

Hummm… Tá. Pensei que eu também tive minha fase de Taupys (procurei um montão imagens no Google e não encontrei!!!), e a pré-adolescência e adolescência é mesmo aquela época em que a gente quer se destacar e ser diferente (sendo igual a todo mundo, after all) e, sei lá, acho até normal procurar esse destaque através desse status que usar uma coisa cara e de marca oferece. Enfim.

Por uma coincidência do destino, o vestido que eu estava usando no dia da minha participação no programa Encontro com Fátima Bernardes era um Abercrombie, presente que ganhei algumas semanas antes. Sem saber exatamente o que isso significava. (aliás, que vestido lindo, poha!)

Só esses dias eu fiquei sabem de uma polêmica que aconteceu em maio desse ano, envolvendo o CEO da marca, que ao ser questionado sobre a numeração limitada de roupas da marca, respondeu que ele só quer pessoas magras e cool usando as suas roupas. Aqui está uma matéria mais completa. Eu sou sempre a última a saber das coisas, eu sei. Essa vida sem TV realmente me limita – mas não, nem penso em voltar a ligá-la.

Eu acho que existe um problema MUITO grande quando você quer dividir o mundo entre pessoas cool e pessoas non-cool e tenta limitar o acesso de umas ou ampliar o acesso de outras a qualquer coisa que seja. Já começa errado porque, afinal, o que é uma pessoa cool? Esse é um conceito que só existe na cabeça daqueles que de fato se acham cool. Eu, que não me acho cool e provavelmente nem sou percebida como cool pelos que se acham cool, achei MIL vezes mais cool os caras do Tumblr Abercrombie Popular. Olha esse Antônio!!! Sério, ele é demais!!!

Abercrombie Popular

Bom, tem o outro problema, aquele de você usar coisas de marca como se marcas tivessem algum valor que não fosse somente aquele que atribuímos a elas. Então alguns criticam os non-cool por quererem ter uma roupa que não lhes serve e que nem deseja lhes servir, esquecendo-se que as pessoas que estão fora do padrão também foram criadas nesse caldeirão que atribui valor a etiquetas e também estão sujeitas a sentir desejos de inserção, de fazer parte.

Portanto, não, eu não julgo as pessoas que querem que a Abercrombie faça roupas XXL. Mas julgo duramente a Abercrombie que, tendo infelizmente a influência que tem e o alcance que tem, ajuda a perpetuar essas coisas infantilóides como líderes de torcida e quarterbacks mesmo na nossa vida adulta, e contribui para que aqueles que não conseguem entrar no padrão magérrimo se sintam um lixo, inadequados, errados para o mundo. Essa indústria toda aliás é feita pra fazer TODO MUNDO se sentir um lixo, né? Pensa bem.

Justamente ontem li o depoimento de uma menina num grupo de feministas dizendo que ela é gorda e ela simplesmente SE ODEIA. Fiquei muito triste por ler isso, porque ao contrário do que gordofóbicos pensam (falei sobre gordofobia aqui), que gordos merecem se odiar porque são gordos por relaxo, eu acho que ninguém deveria se odiar, e é muito, mas muito triste que alguém se odeie POR NENHUM MOTIVO REAL a não ser motivos que pessoas e empresas escrotas colocam na nossa cabeça.

Então sim, há que se discutir a responsabilidade da mídia e das empresas. Não consigo ler coisas assim e ter um posicionamento liberal, me agarrando na crença de que as pessoas têm agência total sobre si, suas vontades e suas vidas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s