Chega de casa.

Cansei de polemizar, cansei de bater boca. Vou falar da minha casa.

Esses dias estava eu na cozinha, lépida e faceira, fazendo uma receita fantástica de barrinha de cereal do Edu Guedes quando de repente, pensei: isso aqui ta errado. Ta errado! Minha vida não pode ser isso!

Presos no décimo-quarto andar...

Presos no décimo-quarto andar…

Sim, enchi o saco de morar em apartamento. De repente, não mais que de repente. Não vejo mais graça nem sentido em nada dessa vida aprisionada entre telas. Olho para os gatos, meus companheiros de cela, eles olham para mim e lamentamos nossa vida no cárcere.

Olho para o meu microscópico pé de manjericão, apertado e constrito num vasinho, e a vontade é de chorar.

Porque ta errado! Ta errado, minha vida não deveria ser isso! Nada disso que até estava ok pra mim há duas semanas combina comigo. E é no mínimo engraçado que toda essa sede de liberdade tenha vindo assim, num flash, sem mais nem menos, e de repente se tornou essa prioridade sufocante.

Desde esse dia, o dia da barrinha de cereal, aquele pé de manjericão tem me olhado com cara de quem espera ansiosamente por liberdade. E a impressão é de que até mesmo os gatos perceberam que precisamos de mais espaço, e eles também esperam que eu tome as devidas providências.

Eu consigo sonhar direitinho com como vai ser a nossa casa. Ela já existe na minha cabeça. E vamos viver super felizes com hortas e pomares e animais de tudo quanto é tipo e longe de um monte de humanos que não gostamos. Já andei até pesquisando preço de vaquinhas.🙂

Um comentário sobre “Chega de casa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s