Meus 20 anos jogados no lixo.

A moça disse: nós sabemos que 80% dos momentos que irão definir a sua vida acontecem por volta dos 35 anos. Isso significa que 8 de cada 10 decisões, experiências e momentos memoráveis que fazem a sua vida ser o que é já terão acontecido por volta dos seus 35 anos.

Não me interessa muito saber quem são esses “nós” que “sabemos” sobre esses super momentos da vida. Eu assistia a essa palestra da Meg Jay no TED e só pensava que ela tinha razão. Que apesar de a vida hoje começar aos 30 e não aos 20, são as decisões que tomamos aos 20 que definem como será a nossa vida de verdade dos 30. Super legal que a nossa adolescência ganhou 10 anos a mais, mas super péssimo que tanta gente gaste esses 10 anos a mais simplesmente fazendo merda. Como eu fiz.

Adolescência :D

Adolescência😀

Eu sempre penso com pesar e auto-piedade nos muitos e muitos anos que joguei no lixo – nunca escondi isso de ninguém, aliás. Joguei 4 anos fora fazendo uma faculdade de merda, depois 5 anos fora sem saber que faculdade fazer, 8 anos fora num relacionamento de merda, e mais muitos anos fora sendo uma completa escrota. Sem pensar que sim, as decisões que eu estava tomando naqueles momentos eram as decisões que iriam definir onde eu estaria agora. Mas para mim, na época, não. Eu estava só curtindo a adolescência.

Eu não acho que hoje eu esteja em um lugar ruim. Na verdade eu amo onde estou, o que faço, minha vida, minhas escolhas atuais. E amo TANTO que é justamente por isso que lembro tanto do passado. Tentando entender porque eu perdi tanto tempo sendo outra coisa que não isso que sou hoje. Como perdi tanto tempo e tanta energia e investi tanto em tantas coisas que não tinham valor algum e que não me acrescentaram nada!

E antes que alguém diga que mesmo tendo dado “certo”, eu sou sim resultado das escolhas erradas do passado, eu já discordo de antemão. Dizem por aí que a partir dos 30 anos o seu ascendente toma conta de você. Em janeiro de 2012 então eu deixei de ser tão Capricórnio para ser mais Aquário (por acaso, meu signo preferido). E eu realmente culpo essa maluquice horoscópica por grande parte das minhas mudanças internas também. Acho que muito do meu recém-espírito revolucionário de quem acha que um dia ainda vai mudar o mundo vem do meu ascendente.

Completamente racional, o aquariano costuma ser crítico e detesta a ideia de ter que se submeter a regras e padrões. Originalidade é sua marca registrada, por isso é apaixonado por tudo o que é novo e, principalmente, pelo universo da tecnologia. Os aquarianos detestam o preconceito. Estão sempre engajados em lutas sociais e não desistem de seus objetivos enquanto não os alcançam completamente. Estão sempre contestando o mundo que os cerca e são donos de ideias revolucionarias.

 Queria ter sido aquariana mais cedo! De capricórnio só sobrou o vício em trabalho. Capricórnio é o signo que mais trabalha, e isso eu sei muito bem. E essa, aliás, foi a minha única decisão acertada dos 20s: minha profissão. Disso eu nunca me arrependi. Agora é esperar ansiosamente pelos 40, para ver o que me espera por conta das decisões que venho tomando nos 30s!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s