Por que não vão defender as crianças com fome?

RESPOSTA À PERGUNTA DE ALGUMAS PESSOAS por Francisco José Papi “Por que não vão defender as crianças com fome?” Questão interessante. Vamos ver se essa eu consigo responder de modo didático. 1) Quem faz esta pergunta admite que existem dois tipos de pessoas no mundo: As Pessoas Que Ajudam e as Pessoas Que Não Ajudam. Além disso, admite também que faz…

A Viagem

Pode parecer a coisa mais idiota e arrogante do mundo, mas eu me considero vencedora. Não porque eu me ache muito bonita, ou muito inteligente, ou muito rica, nada disso. Nada do que a sociedade em geral considera “vitória” é o que me faz feliz. Minha vitória está na minha superação pessoal. Está em ter…

Novas tecnologias na educação

Ouvi falar em um forum que um governador americano quer substituir os livros didáticos pelo Twitter e Facebook. Obviamente, pedagogos bradaram que esse é o fim da educação, a oficialização do ctrl+c ctrl+v nas escolas, e muitos se perguntaram: onde é que esse mundo vai parar? É exatamente assim que todas as pessoas contra TUDO…

Nossa sociedade corrompida

Eu nunca fui tão a favor do divórcio como sou hoje. Antigamente eu escutava falar das sociedades e culturas onde a taxa de divórcio é baixíssima, tipo entre judeus ortodoxos ou indianos religiosos, ou cristãos fanáticos tipo Mel Gibson e admirava: puxa vida, que sociedade evoluída, onde a família prevalece, onde os filhos tem pai…

O Feminismo e eu

Eu vou falar o que eu acho/achava sobre feminismo. Comecei a pensar no assunto num certo Dia Internacional da Mulher. Sempre achei essa data insignificante, mas naquele ano (2002 ou 2003), ela me irritou profundamente. Pensei: mas que diabos estão comemorando? Fiz até um post furioso no meu blog da época. Agradeci as mulheres que…

Campanha por uma vida mais simples

Eu, de vez em quando, penso sobre o qto as coisas são mais difíceis para mim do que para as outras pessoas. Será que são mesmo? A impressão que eu tenho é que estou tendo que provar constantemente o quanto quero alguma coisa, até que finalmente me seja dado o privilégio de usufruí-la. Se não…